O ISOLAMENTO SOCIAL E SEUS IMPACTOS PSICOLÓGICOS NA POPULAÇÃO BRASILEIRA

Autores

  • Edivan Lourenço da Silva Júnior
  • Luisa Fernanda Camacho-González

DOI:

https://doi.org/10.51161/rems/778

Palavras-chave:

Isolamento social, COVID-19, Impactos psicológicos

Resumo

Introdução: A pandemia provocada pelo surgimento e expansão da COVID-19 acarretou diversos problemas na sociedade brasileira, como: prejuízos financeiros, redução da prática de atividades físicas e aspectos relacionados ao convívio social, com grande impacto no âmbito psicológico dos pacientes, amigos e familiares. Objetivo: Analisar o fenômeno do isolamento social e suas repercussões no âmbito psicológico na população brasileira. Material e métodos: Elaborou-se uma revisão bibliográfica através da consulta das bases de dados Scielo, PubMed e Google Acadêmico, conforme a disponibilidade na íntegra de artigos entre os anos de 2017 a 2021. Resultados: O isolamento social é o ato através do qual os indivíduos se mantêm afastados do convívio social, sendo necessário para evitar a propagação do novo coronavírus. Estamos presenciando uma grave crise de saúde pública, em âmbito mundial, em cujo cenário destacam-se visões estereotipadas em relação à parcelas da população, como os idosos, cujo isolamento social é necessário mas que também os coloca em risco de agravos à saúde como: depressão e ansiedade. Novas dinâmicas informacionais e um preocupante negacionismo de resultados advindos de pesquisas científicas são fatores que amplificam os sentimentos de angústia, insegurança e medo na população brasileira, intensificando os níveis de estresse e amplificando sintomas de pacientes com transtornos mentais préexistentes. Conclusão: É de grande importância a avaliação do contexto social dos pacientes afetados pela COVID-19, tendo-se em vista os fatores de não adesão à medidas preventivas, bem como o uso de medicamentos de eficácia não comprovada cientificamente. O farmacêutico deve atuar, através do estímulo ao uso racional de medicamentos, e as novas tecnologias de comunicação podem ser de grande ajuda nesta missão.

Publicado

2021-03-10

Como Citar

Júnior, E. L. da S., & Camacho-González, L. F. (2021). O ISOLAMENTO SOCIAL E SEUS IMPACTOS PSICOLÓGICOS NA POPULAÇÃO BRASILEIRA. Revista Multidisciplinar Em Saúde, 2(1), 11. https://doi.org/10.51161/rems/778

Edição

Seção

Anais do Congresso Brasileiro de Ciências Farmacêuticas On-line

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)