ANÁLISE DE CASOS DE TÉTANO NA POPULAÇÃO IDOSA NO BRASIL

Autores

  • Isabelly Hermes Silva

DOI:

https://doi.org/10.51161/rems/2141

Palavras-chave:

CLOSTRIDIUM TETANI, IDOSOS, TÉTANO

Resumo

Introdução: O tétano é uma doença infecciosa grave, não contagiosa, causada pela toxina da bactéria Clostridium tetani que entra no organismo através de ferimentos. A disfunção psicomotora facilita acidentes entre os idosos e a cobertura vacinal é  baixa, o que contribui para uma letalidade alta nesta população. Objetivo: Realizar uma análise nos casos de  tétano na população idosa, esclarecendo sobre os motivos da elevada letalidade e da alta concentração do número de casos nessa faixa etária. Material e Métodos: Neste estudo, o qual faz a correlação dos riscos do tétano aos idosos, foram usufruídos os métodos de leitura crítica e uma pesquisa bibliográfica, onde foram selecionados artigos da área, publicados entre 2000 e 2015, relacionados ao estudo de caso. Resultados: Fundamentado nos estudos analisados, pode-se afirmar que o tétano no Brasil em idosos, tendo como principal, o acidental, ao qual estão mais vulneráveis por conta da idade, causa em sua maioria, agravos de alta incidência ou os leva ao óbito, ou até mesmo devido a conhecimentos equivocados sobre a doença, que os leva a não imunização no tempo ou quantidade de doses certas, relacionando também à deficiência de medidas de imunização ativa adequadas  e a tendência a quedas e a diminuição natural da proteção imunogênica nessa faixa etária contra a infecção Conclusão: Portanto, faz-se necessário para a queda da taxa de letalidade/ casos de tétano em idosos, a promoção de campanhas e outras estratégias para o aumento da cobertura vacinal, visto que a maioria dos casos se encontram com a infecção devido às negligências nas doses de reforço nas vacinas antitetânicas. Além disso, cabe uma necessidade de melhoria na condição de aplicação da profilaxia tetânica no atendimento hospitalar.

Publicado

2021-10-07

Como Citar

Silva, I. H. . (2021). ANÁLISE DE CASOS DE TÉTANO NA POPULAÇÃO IDOSA NO BRASIL. Revista Multidisciplinar Em Saúde, 2(4), 03. https://doi.org/10.51161/rems/2141

Edição

Seção

I Congresso Brasileiro de Doenças Infectocontagiosas On-line

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.