ALTERNATIVAS PARA A PRÁTICA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA EM TEMPOS DE PANDEMIA

Autores

  • Willian Rosa Devitte
  • Patrícia Oliveira De Freitas
  • Gabriela Machado Ferreira
  • Ane Patricia Dos Santos Martini
  • Claudete Izabel Funguetto

DOI:

https://doi.org/10.51161/rems/1914

Palavras-chave:

ENSINO REMOTO, EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA, MEDICINA VETERINÁRIA, MÍDIAS SOCIAIS, SAÚDE ÚNICA

Resumo

Introdução: Ações de extensão têm como propósito promover o relacionamento direto do acadêmico com a comunidade externa através de palestras, rodas de conversas, mostras e distribuição de materiais educativos. Entretanto, a pandemia ocasionada pelo Coronavírus da síndrome respiratória aguda grave 2 (SARS-CoV-2) inviabilizou que tais práticas pudessem ser aplicadas devido a exigência de distanciamento social, necessitando assim, de adaptações que envolveram o uso das mídias sociais Objetivos: O trabalho objetivou compartilhar a alternativa encontrada para as práticas de extensão universitária do curso de Medicina Veterinária da Universidade Federal do Pampa -  campus Uruguaiana-RS, durante o período de atividades remotas. Material e métodos: Foi realizada pesquisa bibliográfica e construção de materiais educativos sobre quatro temas relacionados a projetos vinculados à saúde única e educação ambiental. A divulgação das publicações ocorreu entre 06 a 27 de abril de 2021, por meio do Facebook. O projeto “Mostra Virtual de Plantas Bioativas”, relacionado à disciplina de Plantas Bioativas, promoveu a publicação de 19 postagens e contou com participação de 19 acadêmicos. O projeto “Plantas Repelentes de Mosquitos Transmissores de Doenças’ contou com dois acadêmicos envolvidos e cinco publicações. O projeto “Medicina Veterinária da Conservação”, vinculado à disciplina obrigatória de Extensão Rural e Sociologia, contou com nove publicações e participação de 35 acadêmicos e, por fim, o projeto “Flores do Campus” contou com sete publicações e acadêmicos, totalizando 40 publicações. Resultados: O projeto “Mostra Virtual de Plantas Bioativas” rendeu 683 curtidas, 162 comentários e seis compartilhamentos com um alcance estimado de 19.000 pessoas. Publicações do projeto “Plantas Repelentes de Mosquitos Transmissores de Doençasconquistaram 96 curtidas, 20 comentários e três compartilhamentos com alcance em torno de 4.000 pessoas. Publicações do “Medicina Veterinária da Conservação obtiveram 207 curtidas, 22 comentários, quatro compartilhamentos e um alcance estimado de 35 mil pessoas, enquanto o projeto “Flores do Campus” obteve 217 curtidas, 49 comentários e um compartilhamento, tendo alcançado um público estimado de 7.000 pessoas. Conclusões: Baseado nas interações obtidas a partir das publicações realizadas, foi possível observar que as mídias sociais são ferramentas aliadas na troca de informações entre a comunidade acadêmica e comunidade externa.

Publicado

2021-09-04

Como Citar

Devitte , W. R. ., Freitas, P. O. D. ., Ferreira, G. M., Martini, A. P. D. S. ., & Funguetto, C. I. . (2021). ALTERNATIVAS PARA A PRÁTICA DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA EM TEMPOS DE PANDEMIA. Revista Multidisciplinar Em Saúde, 2(3), 95. https://doi.org/10.51161/rems/1914

Edição

Seção

I Congresso On-line Nacional de Clínica Veterinária de Pequenos Animais

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.